Afastada, Malrinete deixa divida de mais de 454 mil a Companhia Energética e prédios púbicos com fornecimento suspenso.

A vice da “prefeita ostentação” Malrinete Gralhada deixa divida de mais de 454 mil a Companhia Energética do Maranhão, e vários prédios púbicos com o fornecimento suspenso por falta de pagamento.
A  Prefeitura Municipal de Bom Jardim, durante o governo da prefeita afastada do cargo na ultima quinta-feira (20) por improbidade administrativa, Malrinete Gralhada, acumulou uma divida de quase meio milhão de reais com a Companhia Energética do Maranhão (CEMAR).

Empossado prefeito provisório na sexta-feira (21), Sinego ao assumir o cargo se deparou com uma prefeitura sucateada e sem energia elétrica em suas dependências, a energia do prédio havia sido cortada há meses por falta de pagamento.

A divida da Prefeitura com a CEMAR é de R$ 454.196,06 (quatrocentos e cinquenta e quatro mil cento e noventa e seis reais e seis centavos). A cifra chega a assustar, e escancara o tamanho da irresponsabilidade dos que passaram pela prefeitura.

Segundo Sinego, Malrinete chegou a fazer um parcelamento com a empresa mais não cumpriu os pagamentos. “Por conta disso a dívida vem acumulando com juros e multas e poderá comprometer o município”, explicou o prefeito provisório.

O novo prefeito está negociando com a companhia, porem, aguarda o desbloqueio de contas da prefeitura, o que pode ocorrer até sexta-feira. Até lá, a prefeitura e outros prédios públicos ligados à administração municipal estão no escuro, sem o fornecimento de energia elétrica.















    

 
© Rádio Atrativa FM - Bom Jardim - Maranhão - Brasil - Telefone: 98 99151-2740 WhatsApp: 98 99151-2740