Em pleno ano eleitoral prefeita quer contratar quase 2 mil pessoas sem concurso

Cara a cara, olho a olho, Malrinete quer contratar quase dois mil servidores em pleno ano eleitoral.
De olho nas Eleições 2016, a atual prefeita Malrinete Gralhada enviou hoje, terça-feira (23), projeto de lei municipal para contratação de servidores temporários para vários cargos sem que haja concurso publico, e pede que o legislativo aprove tal projeto em caráter de urgência. O PL tramita nas comissões da Câmara Municipal, onde será discutido e analisado pelos vereadores.

Atenção Ministério Publico!
O numero de contratações ultrapassam um mil, e chegam a um total de 1617. A contratação excessiva de servidores sem concurso público pela prefeitura de Bom Jardim deve ser acompanhada de perto pelo Ministério Publico Estadual. Por isto deixamos aqui o alerta para, o MPE, que o caso não passe despercebido.

Como os contratados supostamente serão escolhidos a dedo, cara a cara, olho no olho, demonstra total interesse em alienar pessoas a determinado grupo político, podendo atuar ainda na condição de cabo eleitoral.

O Ministério Público pode ajuizar ação civil contra Malrinete caso as contratações sejam efetivadas, pois a prática feri os princípios da isonomia e da legalidade, previstos na Constituição Federal. Contratar servidores públicos sem a devida realização de concurso pode caracterizar o ato de improbidade administrativa, desde que demonstrada a má-fé do agente.

Segundo a Acessória de Comunicação da Câmara Municipal de Bom Jardim, o projeto de lei mal foi lido em plenário, más já cria duvidas entre alguns parlamentares de situação e principalmente oposição.

Para o vereador Silvano Andrade, o projeto está mal elaborado, criando cargos que não existe na estrutura municipal, além disso, o parlamentar questionou a quantidade de vagas estabelecidas “Se estamos em crise financeira no município, como terá espaço para pagar esse tanto de funcionários? Alem do mais vários cargos não estão na estrutura do município, irei analisar e na próxima sessão discutiremos amplamente essa medida” Disse.

Já o vereador Marcony Mendes, líder do governo, a medida é apenas uma previsão, o que não significa que esta quantidade de pessoas irá realmente ser contratada. Sobre prováveis cargos que não esta na estrutura administrativa, Marcony afirmou que irá analisar mais profundamente o caso. “A expectativa é que se contrate de acordo com a necessidade e não necessariamente o que está estipulado no projeto” Afirmou Marcony.

Veja abaixo cópia da relação de cargos e o número de contratados:
















    

 
© Rádio Atrativa FM - Bom Jardim - Maranhão - Brasil - Telefone: 98 99166-7975 WhatsApp: 98 99166-7975