Sem mandato, Processo contra Lidiane desce para Justiça Federal de primeiro grau

Sem mandato de prefeita, Lidiane e acusados não tem
mais foro privilegiado e respondem como acusados
comuns na justiça da primeira instancia.
O desembargador do Tribunal Regional Federal da Primeira Região, Hilton Queiroz, determinou o encaminhamento do processo que acusa de desvio de recursos públicos os ex-secretários de Agricultura, Antônio Gomes da Silva, conhecido como ‘Antônio Cesarino’ – também presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Bom Jardim (STTR) – e de Assuntos Políticos, Humberto Dantas dos Santos, conhecido como Beto Rocha, ex-namorado prefeita cassada de Bom Jardim Lidiane Leite (PP).

De acordo com o magistrado, a cassação da prefeita fez todos os acusados perderam foro privilegiado, declinando a competência para a Justiça de Primeiro Grau, que foi a Justiça Federal do Maranhão. O processo será distribuído para um dos juízes Roberto Carvalho Veloso ou José Magno Linhares, que analisará os pedidos de revogação das prisões.

Os advogados de defesa do empresário Beto Rocha, da ex-prefeita Lidiane Rocha e outros acusados, aguardam o despacho da Justiça, mas devem também recorrer para segunda instância o Tribunal Regional Federal da Primeira Região, que julgará no colegiado de três desembargadores federais.

Com a noticia, até a justiça federal reconhece o ato de posse da Câmara de Vereadores de Bom Jardim, espantando boatos maldosos que circulavam na cidade.

Fonte: netoferreira.com.br















    

 
© Rádio Atrativa FM - Bom Jardim - Maranhão - Brasil - Telefone: 98 99166-7975 WhatsApp: 98 99166-7975