Defesa tenta negociar entrega de Lidiane, mas Polícia Federal diz que não dará privilégios a prefeita foragida

O superintendente da Polícia Federal no Maranhão, Alexandre Saraiva, confirmou na manhã desta sexta-feira (04) que a defesa da prefeita afastada de Bom Jardim, Lidiane Leite está tentando negociar sua entrega com a Polícia Federal.

Saraiva disse, entretanto, que não aceitará nenhum tipo de negociação com o advogado de defesa da prefeita. “Não aceito negociações. Não vamos dar nenhum privilégio a ela”, disse Saraiva.

Lidiane Leite está foragida desde o dia 20 de agosto quando teve sua prisão decretada pela “Operação Éden”, da Polícia Federal que investiga desvios de verbas da educação referentes à merenda escolar e à reforma de escolas.

A operação prendeu ex-secretários de Agricultura, Antônio Gomes da Silva, conhecido como ‘Antônio Cesarino’ – também presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Bom Jardim (STTR) – e de Assuntos Políticos, Humberto Dantas dos Santos, conhecido como Beto Rocha, ex-namorado de Lidiane Leite.

O escândalo na administração pública de Bom Jardim ganhou repercussão internacional após o sumiço da prefeita. A Polícia Federal inclusive solicitou à Interpol que incluísse o nome de Lidiane Leita na lista vermelha da organização.

Fonte: G1 MA















    

 
© Rádio Atrativa FM - Bom Jardim - Maranhão - Brasil - Telefone: 98 99151-2740 WhatsApp: 98 99151-2740