Anúncio de Cabeçalho

test

Índios cortam cabo de operadora de telefonia em Bom Jardim e deixa a região incomunicável

Índios Guajajaras cortaram um cabo de fibra ótica da operadora de telefonia Oi que passa por dentro da reserva indígena, no município de Bom Jardim, causando a falta de comunicação tanto de internet, quanto das operadoras Tim, Oi, e Vivo durante todo o dia desta terça-feira, 25, em toda a região.  Eles, também, se apoderaram de dois carros da empresa para fazer uma série de reivindicações.

O cabo de fibra ótica passa por dentro das aldeias, por isso, os índios resolveram cobrar das empresas melhorias para as comunidades. O documento elaborado pelos índios foi entregue aos representantes da empresa de telefonia em julho do ano passado, durante uma reunião na aldeia.

A demora em ter as exigências atendidas revoltou as comunidades indígenas que resolveram protestar. Os manifestantes cavaram até encontrar o cabo. Entre as exigências deles estão um orelhão com cabine padronizada e que faça ligações 0800, salas de computação equipadas com internet de graça, ampliação e reforma do posto de saúde da aldeia areão e, ainda, a construção de um posto de saúde para as aldeias tabocal e novo planeta.

A Oi informou que a empresa já está tratando do caso com os órgãos responsáveis e que não tem um levantamento de quantas pessoas e municípios estão sendo prejudicados pelo corte do cabo de fibra ótica, em Bom Jardim. Uma equipe da empresa já está avaliando os prejuízos da ação dos índios.

Fonte: G1 MA